Os planos do homem e a resposta de Deus
6 de agosto de 2019
O que não fazer em um relacionamento
8 de agosto de 2019

 

Josué 9:1-16

Josué foi o responsável por assumir a liderança do povo de Israel após a morte de Moisés. Passou por uma travessia no rio Jordão, uma queda dos muros de Jericó e uma vitória sobre a cidade de Ai. Assim era propagada a notícia sobre ele, causando pavor no povo. Sabendo que Josué já tinha passado o Jordão, quiseram juntar os exércitos para detê-lo. Porém, o povo de Gibeom, com medo, pensou em outra alternativa: enviar apenas alguns homens e dizer para Josué que eles eram embaixadores. Levaram seus pertences mais velhos, mantimentos mais estragados e fantasiaram-se com a roupa mais pobre possível. Eles conseguiram se encontrar com Josué, e começaram a contar mentiras, dizendo que moravam longe. Sem consultar a vontade do Senhor, eles afirmaram um acordo com aqueles estrangeiros, deixando que eles habitassem em meio ao povo israelita. Entretanto, três dias depois, Josué ficou sabendo que tudo era mentira. Os gibeonitas não se atentaram para a Palavra de Deus, que diz que a lei para o povo israelita é a mesma para os estrangeiros (Lv 24:22).

A Bíblia nos mostra que a mentira é algo sério e que tem consequências. Algumas verdades sobre a mentira são:

  1. A mentira não preserva ninguém. Algumas vezes, ela parece ser a melhor ou a única alternativa. Ela pode parecer ser o melhor caminho no momento, mas a consequência vem. Sempre há outra alternativa.
  2. A mentira é uma estratégia para esconder nossa fragilidade. Falar a verdade é, às vezes, se humilhar. A verdade nos humilha às vezes, porém ela é libertadora.
  3. Pra que surta efeito, a mentira precisa de investimentos. Não existe mentira isolada. São necessárias outras mentiras para sustentá-la.
  4. Toda mentira tem um prazo de validade. Existem algumas que, por causa da nossa “habilidade”, duram mais tempo. Outras são fáceis e rapidamente descobertas. Mas todas elas têm um prazo, e o problema é que acreditamos que esse prazo nunca irá se expirar. Mas quando expira, a vergonha se torna grande.

Colocaram calçados velhos para fingirem ter caminhado mais do que realmente caminharam. Levaram pães embolorados, fingindo ter percorrido uma longa estrada. O texto nos mostra que eles foram descobertos e Josué deu-lhes a função de cortar a lenha e tirar a água para que os sacerdotes oferecessem sacrifícios e lavassem os utensílios. Eles trabalhavam antes e depois do culto, porém não participavam dele. A mentira pode até nos fazer ajudar a igreja, mas não nos permite entrar na presença de Deus. Ele quer que estejamos diante Dele, desfrutando de Sua comunhão. Seja verdadeiro, sincero, pois sendo assim, Deus nos reveste de Graça. Não há caminho para entrar no céu a não ser por meio da verdade.

Senhor Deus, te peço perdão pelas vezes que usei as inverdades como esconderijo. Abro meu coração e te digo que quero viver em verdade, quero viver uma vida em Cristo. Quero sentir Tua presença, quero estar diante de Ti, e isso só consigo através da verdade.

 

 

Jodson Gomes

Pastor Assembleia de Deus

X