Qual a sua identidade?
5 de março de 2019
Vença as tentações!
7 de março de 2019

Deuteronômio 28

Deus disse que derramaria bençãos sobre Israel. Ele ilustrou a partir de elementos que eram conhecidos do povo (cesto e amassadeira). Mais do que elementos, Deus estava falando de dois processos. Cesto: ilustra o processo de captação. Com o cesto, recolhemos e trazemos. O cesto capta. Amassadeira: ilustra o processamento. Com a amassadeira se processa.

Os dois processos se complementam. A benção de Deus precisa estar em nós nessas duas áreas. Tudo começa na captação. Nós captamos as ideias sensorialmente, olhando e ouvindo as informações que chegam até nós o tempo todo. Muitos querem a benção de Deus, mas não querem viver de acordo com Sua vontade.

Benção na mesa começa no cesto. Quando captamos o que é ruim, isso vai ser processado. Às vezes, colocamos no cesto coisas que não vão ser processadas de maneira positiva. Imagens e sons nos impressionam e nos prendem. O que temos captado em nossos cestos? A que temos nos exposto? Aonde temos ido buscar coisas para nós? As más conversações corrompem os bons costumes (1 Coríntios 15:33). Não há como viver uma vida cristã superficial. Se o cesto estiver sujo, vai contaminar a amassadeira. Que Deus nos ajude a limpar nosso cesto.

Depois do cesto, vem a amassadeira. Como é que temos processado? Os sentidos captam e a mente processa. A amassadeira também precisa ser bendita. Podemos captar coisas boas, mas não há como processá-las se a amassadeira estiver ruim. Mágoas contaminam o processamento. A ira perturba o processamento. Pecados não confessados prejudicam o processamento. Muitos não conseguem a benção porque não liberam perdão. É preciso corrigir a amassadeira. Quando o conteúdo que chega no cesto se mistura com a sujeira que existe na amassadeira, ele não é mais o mesmo.

Só há um jeito de curar a amassadeira: lavando. O conteúdo sujo precisa ser jogado fora. Só há uma maneira de corrigir o problema do cesto: observando e se expondo à Palavra. O resultado que precisamos é a soma desses dois fatores. Faça um propósito com o Senhor; ore mais e leia mais a Bíblia. Exponha-se mais à Palavra de Deus. Aquilo que você captar, é o que vai ser processado.

 

Oração: “Pai querido, diante de Ti e apoiado na Tua misericórdia, eu oro e peço-Te para que haja cura, liberdade e benção no cesto e na amassadeira. Que o vínculo com o pecado seja rompido. Bendito seja a captação e o processamento.”

 

Jodson Gomes
Pastor Assembleia de Deus Londrina

X